quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Somos muitas e assim é bem bom!


Dia 18 de janeiro estreiou The United States of Tara, série produzida por Steven Spielberg e que tem roteiro de Diablo Cody. Como eu não fui pros States da Tara nesse mês, o jeito foi buscar na net alguma coisa. E achei! E pirei!
O bom humor da Diablo está em cada diálogo, em cada cena bizarra e ao mesmo tempo comum a todos nós. Pra que não sabe, a série conta a história de Tara, uma dona de casa que tem múltiplas personalidades. Pode ser uma adolescente bem taradinha, uma exemplar amélia ou um cara machista e safado. Parece uma loucura uma sinopse assim, mas eu garanto: é ótimo! Toni Collette( aiiii, adoro!) está numa das suas melhores fases e encara com o charme e o talento de sempre as múltiplas faces de Tara.

Assistindo aos primeiros episódios, tirei uma conclusão: a história não é uma ficção. Acho que toda mulher sofre de múltiplas personalidades. E isso é bom. Afinal, fazer todo dia do mesmo jeito, acordar sempre com a mesma cara, usar sempre as mesmas frases ou cantar sempre as mesmas músicas deve ser um saco.

Pra que ser uma só se a gente pode ser várias? Se você ainda não achou a(s) outra(s) você aí dentro, trate de tirar um tempo e procurar. Antes que você pire e perca o mais divertido da vida.

Bjus da(s) Bia(s)

2 comentários:

JAMES PIZARRO disse...

Por isso que uma mulher inteligente tem de ter como parceiro um homem inteligente e sensível,capaz de captar e entender um ser múltiplo e vário.Porque um cara comum, medíocre, vai aprender (se aprender...) a lidar com apenas uma faceta da companheira...e quando surgirem as outras faces ocultas da lua, ele vai pirar.
Beijo

JP

Tati Py disse...

Ouvi falar muito bem dessa série... Vou procurá-la na Vazoulândia... Tem legendado já?