domingo, 31 de maio de 2009

Quase lá


Falta pouco menos de um mês. Monografia indo bem, nervosismo crescente, água de melissa aos litros, chocolate aos quilos e uma sensação estranha que eu não sei se é medo ou ansiedade. Talvez seja os dois, ou talvez seja apenas um bom sinal.
Estamos quase lá. Não vamô se entregá agora, gurizada. Tamô beirando o poço, como diz meu tio.

Bjus da Bia

Um comentário:

JAMES PIZARRO disse...

Poço não foi feito prá por limite. Nem medo.
Nem é buraco prá cair.
Poço é prá dar água.
Prá matar a sede.
Pra matar secura na garganta.
O poço dá água.
Que ressucita.
Que faz metamorfose.
Produz milagre.
Faz adolescente virar mulher.
Bia...via.
Bia...dia.
Bia...fia.
Bia...mia.
Bia...pia.
Bia...ria.
Bia...ia !
Não só ia...Bia Vai !

Bj

James Bond+